Saltar a navegação

Notícias

Nova proposta já foi adotada pela Comissão

A Comissão adoptou a sua proposta para o próximo programa Erasmus. Foi no dia 30 de maio que se estabeleceu que iria existir uma duplicação do orçamento para 30 mil milhões de euros para o período 2021-2027.

Com base no sucesso do programa Erasmus+, o próximo programa vai proporcionar oportunidades de aprendizagem e mobilidade a 12 milhões de pessoas, em comparação com 4 milhões de pessoas no programa atual.

"Evolução, não revolução” continua a ser o lema, significando que o programa Erasmus vai continuar a abranger escolas, ensino e formação profissional, ensino superior e educação de adultos - juventude e desporto, mas de uma forma mais simplificada. Como? Baseando-se na avaliação intercalar e nas consultas das partes interessadas, o próximo programa será substancialmente reforçado, alargado e mais inclusivo.

Vão ser mais atividades que vão promover o conhecimento e a consciencialização da União Europeia, mais oportunidades em campos de conhecimento voltados para o futuro, por exemplo, mudanças climáticas, robótica, e melhor alcance e inclusão de pessoas com menos oportunidades. A dimensão internacional do programa também será impulsionada. Investir nas pessoas, nas suas skills e conhecimento facilitar a resposta a desafios globais.


Fonte e foto.